Fale conosco pelo WhatsApp Siga-nos no Facebook Siga-nos no Instagram Siga-nos no Twitter Siga-nos no Youtube

DESTAQUE / CAMPANHA SALARIAL

Imprimir Notícia

Nova negociação com o Banco do Nordeste no dia 19/08

Após quatro rodadas de negociação, as tratativas entre a Comissão e a Direção do banco não avançaram.

09/08/2022 às 12:36
ASCOM/SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

Após quatro rodadas de negociação, as tratativas entre a Comissão dos Funcionários do BNB e a Direção do Banco do Nordeste pouco avançaram.

EMPREGO E CONDIÇÕES DE TRABALHO
Na primeira mesa, a empresa não apresentou nada de concreto sobre as reivindicações dos bancários sobre emprego e condições de trabalho. Na ocasião, o BNB se limitou a dizer que é a favor da manutenção do Comitê Covid e que os protocolos continuam sendo cumpridos.

TELETRABALHO

Sobre o teletrabalho, os bancários solicitaram a criação de uma comissão paritária para discutir o tema, mas o banco afirmou que já tem um projeto a ser implantado até o fim de agosto, recusando-se a ouvir a opinião dos trabalhadores.

OUTROS TEMAS
Em seguida, o banco se esquivou sobre temas como avaliação de desempenho, substituições, concorrências e comissionamentos, sob a alegação de que implementou o plano de funções há pouco tempo. Já em relação à sustentabilidade do Crediamigo, programa que, para o funcionalismo, deveria ser internalizado pelo banco, a direção do BNB afirmou que não pode interferir no assunto.

CLÁUSULAS SOCIAIS
Já na segunda mesa, que tratou das cláusulas sociais dos bancários, o Banco do Nordeste também não apresentou qualquer resposta positiva para as demandas dos trabalhadores. A empresa desconversou sobre: 1) o abono de horas não trabalhadas para tratamento fisioterápico; 2) as mudanças nos valores de referência para PLR e 13º salário; 3) o aumento da permissão para doação de sangue; e 4) a inclusão nas ausências legais o luto para filhos natimortos. Acerca da revisão do PCR e de condições especiais de crédito para os funcionários, mais negativas do Banco do Nordeste.

CAPEF
Por sua vez, na terceira mesa, referente à saúde e a Previdência, mais enrolação. Nenhuma melhoria foi apresentada. O BNB negou o aporte de recursos para a Capef, a democratização da Caixa de Previdência, bem como a revisão dos planos BD e CV-1, o que dificulta a aposentadoria dos bancários mais antigos.

CAMED
Sobre a possibilidade de criação de um Conselho de Usuários da Camed, o Banco do Nordeste disse apenas que isso é um plano para o futuro. Por fim, sobre a campanha de vacinação, o BNB negou o pedido para que ela seja estendida para os funcionários aposentados.

MAIS NEGATIVAS DO BNB
Por fim, na quarta mesa de negociação, a postura intransigente da Direção do Banco pouco mudou, ratificando negativas sobre licença menstrual, concorrências, abono das horas não trabalhadas durante a pandemia e comissão de avaliação de desempenho.

PRÓXIMA NEGOCIAÇÃO
A próxima rodada de negociação com o BNB está marcada para o dia 19 de agosto, às 15h, em Fortaleza. "Caso o Governo e a Direção do Banco continuem com essa intransigência, não restará alternativa a não ser realizar paralisações" - avaliou o diretor do SEEB-MA, Gilberto Alves. 

SAÚDE - CAT
ÁREA DO CLIENTE
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3513
Jurídico: (98) 98477-5789 / 3311-3516
Secretaria Geral: (98) 98477-8001
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Trabalho, Resistência e Luta: por nenhum direito a menos!