ÁREA DO CLIENTE

Seja bem-vindo, cliente e usuário de banco!

Olá, este espaço foi criado especialmente para você, cliente e usuário de banco. Por meio de notícias, vídeos e áudios você ficará bem informado sobre os seus direitos e saberá como identificar e denunciar os abusos cometidos pelos bancos, tais como: a recusa de atendimento, a longa espera nas filas, dentre outros.

Você também poderá conferir os telefones e endereços de órgãos fiscalizadores das instituições financeiras, como o Procon, a Delegacia do Idoso e o Banco Central. Desse modo, ficará mais fácil fazer denúncias.

Além disso, você ficará informado sobre as ações do Sindicato que visam, dentre outros pontos, melhorar a segurança e o atendimento nas agências bancárias. Com o seu apoio, cliente e usuário, a luta dos bancários se fortalece, e todos nós, cidadãos e trabalhadores, só temos a ganhar!

Bancos são os culpados pela demora nas filas

No Maranhão, a “Lei das Filas” determina que o cliente ou usuário de banco deve esperar por, no máximo, 30 minutos para ser atendido. No entanto, diariamente são formadas longas filas nas agências. Dificilmente, a lei é cumprida, o que provoca transtornos e aborrecimentos à população. A demora no atendimento está relacionada principalmente ao número reduzido de bancários nas agências. O Sindicato ressalta que é dever do BANCO disponibilizar empregados suficientes para atender os clientes e usuários de modo digno e rápido. Por isso, reivindicamos a contratação imediata de mais bancários para reduzir as filas. Cidadão: guarde a sua senha e outros documetos que podem comprovar a demora no atendimento e denuncie esse abuso dos banco

Recusa de atendimento: você já foi vítima?

A recusa de atendimento ocorre quando o banco se nega a prestar determinados serviços ao usuário. Por exemplo: não receber boletos de outras instituições financeiras, mesmo antes da data de vencimento. Nesse caso, é comum o usuário ser orientado a buscar atendimento no banco de origem, o que fere o Artigo 13 do Código de Defesa do Consumidor (CDC). Outro caso de discriminação acontece quando o banco se nega a abrir contas, realizar depósitos ou pagamentos para a população mais carente, o que é inadmissível. Na Campanha Salarial, os bancários maranhenses lutam por atendimento digno, com qualidade e sem discriminação para todos os clientes e usuários dos bancos!

Com o aval do Governo, bancos ignoram a segurança

A insegurança tem tirado a tranquilidade dos clientes e usuários de bancos. Segundo a imprensa, somente em 2015, mais de 111 ocorrências - incluindo assaltos, tentativas, arrombamentos e saidinhas bancárias - foram registradas no Maranhão. Para reduzir esses números, o SEEB-MA idealizou, em 2011, uma Proposta de Lei da Segurança Bancária. O projeto, que previa a instalação de portas giratórias, detectores de metal, câmeras e biombos em todas as agências do Estado, foi aprovado pela Assembleia Legislativa em 2012. No entanto, foi vetado pela governadora Roseana Sarney. O motivo: geraria muita despesa para os bancos bilionários. Ou seja, para o Governo, o dinheiro dos banqueiros vale mais que a segurança da população. Lamentável. Agora, o SEEB-MA tem agido para que o projeto seja reapreciado pelo Plenário da Assembleia Legislativa.

Juros e tarifas altas consomem o seu dinheiro

Você sabia que a soma dos lucros do BB, Itaú, Bradesco, Caixa e Santander chegou a quase R$ 30 BILHÕES apenas no primeiro semestre deste ano? Parte de todo esse dinheiro é você quem paga, através dos juros e das tarifas abusivas cobradas pelos bancos. Por contribuir com esse lucro, o cliente deseja agências com atendimento de qualidade, sem filas e com segurança. No entanto, os banqueiros não investem um centavo dessas taxas em melhorias. Pelo contrário, o que se vê são agências sucateadas, filas intermináveis e atendimento precário. Em defesa da população, os bancários reivindicam a diminuição da taxa de juros e a explicação detalhada das tarifas cobradas em cada operação bancária.

PROCON

- Secretaria do Estado de Direitos Humanos e Cidadania - SEDIHC
- Endereço: Av. Jerônimo de Albuquerque, s/n, Calhau, Ed. Clodomir Milet, 2° andar
- Cidade: São Luís - MA
- Fone: (98) 3221-5955

- Procon Estadual - SEDE
- Endereço: Av. Castelo Branco, 848 - São Francisco
- Cidade: São Luís - MA
- Fone: (98) 3261-5100

- Unidade Viva Cidadão João Paulo
- Endereço: Rua Riachuelo, s/n, João Paulo
- Cidade: São Luís - MA
- Fone: (98) 3243-2052

- Unidade Viva Cidadão Praia Grande
- Endereço: Av. Senador Vitorino Freire, 26-D - Reviver
- Cidade: São Luís - MA
- Fone: (98) 3221-4215

BANCO CENTRAL

- Fone: 145 (custo de ligação local)
- Horário: das 8h as 20h no dias úteis

Ministério Público / Procuradoria da República no MA

- Endereço: Av. Senador Vitorino Freire, 52, Areinha, São Luís-MA
- Fone: (98) 3213-7100

Delegacia do Idoso

- Endereço: Praça Gomes de Sousa, n° 249, Centro, São Luís-MA
- Fone: (98) 3221-2119

Delegacia do Consumidor

- Endereço: Praça Gomes de Sousa, n° 249, Centro, São Luís-MA
- Fone: (98) 3214-8665

DICAS

Quer reclamar da espera nas filas? Siga os conselhos.

1. Procure o banco e tente resolver amigavelmente. É aconselhável reclamar por escrito. Fique com um comprovante da reclamação (protocolo do banco ou aviso de recebimento do correio).

2. Ouvidoria: Se o seu problema não for resolvido ou se demorar para ser atendido, procure a ouvidoria do seu banco. Os bancos têm que disponibilizar, por meio de uma linha 0800, um setor de ouvidoria para atender diretamente seus clientes.

3. Registre reclamação no Banco Central (Bacen). É importante registrar a sua reclamação no Banco Central. Sua reclamação irá para a lista que é divulgada mensalmente e significa uma importante fonte de consulta para outros consumidores.

Por telefone: 145;
Por carta (Bacen – SBS Quadra 3 Bloco B – Ed. Sede – Caixa Postal: 08670 – CEP 70074-900 – Brasília/DF);
Pela internet: www.bcb.gov.br.

4.Procure o Procon, se o banco não resolver. Telefone da SEDE SÃO LUÍS: (98) 3261-5100, para consultas e denúncia de abusos. Endereço: Av. Castelo Branco, 848 - São Francisco/São Luís. Outros telefones/endereços do Procon no MA: www.procon.ma.gov.br.

5. Procure a Justiça. Caso não haja solução diretamente ou via Procon, recorra à Justiça.

Outra providência que você poderá tomar: Procure a imprensa (TVs, sites, rádios). Muitos destes meios de comunicação têm espaços reservados para as queixas dos consumidores.

Clientes reclamam e bancos dão nova cara a seus pacotes de tarifas
05/09/2013
Clientes reclamam e bancos dão nova cara a seus pacotes de tarifas

Desde o início do ano, bancos reformularam os combos de serviços com o objetivo de não perder os clientes.

01/04/2012
Superlotação e extrapolação em Santa Inês

SEEB-MA cobra melhores condições de trabalho e atendimento nas agências da Caixa, caso contrário, tomará as medidas cabíveis.

SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3522
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Mobilização, Unidade e Luta.