DESTAQUE / BASA/CAPAF

Imprimir Notícia

Presidente da AABA desafia presidente do Basa para debate

Desafio foi feito durante protesto contra a campanha assediadora do Basa para convencer trabalhadores a migrarem para o PSBD do banco.

11/08/2011 às 11:06
Ascom/SEEBMA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

BELÉM (PA) - Representantes da Associação dos Aposentados do Banco da Amazônia (AABA), da Associação dos Empregados do Banco da Amazônia (AEBA) e do Sindicato dos Bancários do Maranhão (SEEB-MA) fizeram, na manha desta quinta-feira (08/08), em frente à matriz do Basa, em Belém, um protesto contra a milionária e assediadora campanha midiática realizada pelo banco com o objetivo de convencer empregados, aposentados e pensionistas da Capaf a migrarem para o perverso PSBD proposto pela instituição financeira.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS

Na ocasião, os representantes da AABA, AEBA, SEEB-MA e de outras entidades de Belém esclareceram os bancários sobre os aspectos negativos desse “Plano Saldado” que retira direitos e reduz o valor dos benefícios daqueles que são vinculados ao BD original que, segundo o Ministério Público do Trabalho e a Justiça Trabalhista, é um ato jurídico perfeito e não pode ser alterado para prejudicar os trabalhadores.

Presidente da AABA desafia presidente do Basa para debate na TV


Em discurso durante o protesto, o Dr. Agildo Monteiro Cavalcante, presidente da AABA, desafiou o presidente do Basa, Abdias Júnior, para um debate na TV com regras democráticas e em igualdade de condições. O desafio do presidente da AABA foi proposto, dentre outros motivos,  por causa de uma declaração absurda dada por um diretor do Basa, nesta quinta-feira (08/08), a um jornal de Belém, na qual afirmou que:

“Existe um pequeno grupo [de aposentados, pensionistas e empregados] que não tem sensibilidade e é egoísta. Não quer perder aqueles benefícios. Só pensa em interesse próprio, em ter a maior remuneração possível, mesmo sem ter contribuído quase nada para isso.”

Tal afirmação só comprova a falta de respeito e compromisso do Basa com seus trabalhadores. Uma tentativa de ludibriar os empregados com mentiras para convencê-los a entregarem seus direitos, a perderem as garantias já concedidas pela Justiça.

Para o diretor de assuntos previdenciários do SEEB-MA, Raimundo Costa, o ato promovido pelas entidades dos trabalhadores foi muito positivo. O protesto serviu, inclusive, para que as entidades distribuíssem material esclarecedor sobre decisão recente do TST, que reafirma a continuidade da execução do processo movido pelo SEEB-MA em que o Basa foi condenado a responder pelo déficit da Capaf.

Não à migração.  Não à aventura!

Respeitem nossos direitos. Confiamos na Justiça Trabalhista do Brasil!


Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
GALERIA
Fotos | 05/10/2017

Passeata em defesa das empresas públicas

SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3522
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Mobilização, Unidade e Luta.