DESTAQUE / BRADESCO

Imprimir Notícia

SEEB cobra fim das demissões imotivadas e do assédio

O protesto do SEEB-MA é contra a ganância do banco, que explora e demite seus empregados.

21/02/2017 às 10:10
Leandro Santos - Ascom/SEEB-MA
A+
A-

Clique na foto para ampliá-la

O SEEB-MA realizou nesta terça-feira (21/02), um ato público em frente ao Bradesco do João Paulo, em São Luís, com o objetivo de protestar contra a ganância do banco, que explora e demite seus empregados, mesmo com lucros elevados.

Em apenas 12 meses, o Bradesco demitiu 4.790 empregados no país, apesar do lucro vultoso de R$ 15 bilhões obtido em 2016. O resultado dessa política de demissões são agências superlotadas, clientes mal atendidos e bancários com sobrecarga de trabalho e adoecidos.

Durante o ato público, a Companhia Teatral Cambalhotas, encenou um diálogo entre um banqueiro e um bancário, em que foram destacados as consequências das demissões imotivadas.

O SEEB-MA cobra do Bradesco o fim das demissões imotivadas, com a contratação de mais bancários e, sobretudo, respeito e condições dignas de trabalho para os seus empregados, garantindo, assim, melhor atendimento à população. 

GALERIA DE FOTOS

Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3522
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Mobilização, Unidade e Luta.