PLANTÃO / DESIGUALDADE

Imprimir Notícia

PIB elevaria 3,3% se mulher tivesse salário justo

17/05/2018 às 11:31
Bancários Bahia
A+
A-

Reduzir a diferença salarial de gênero aumentaria o PIB (Produto Interno Bruto) em 3,3%. Em números, seriam mais R$ 382 bilhões. No Brasil, a renda média da mulher é equivalente a 75% da do homem. Os dados são do Banco Mundial.

O estudo, feito em 189 países, mostra que apenas 8% das mulheres ocupam cargos de lideranças nas empresas do país. Segundo o documento, o Brasil ainda há leis que impedem a plena participação econômica da mulher, embora desde 2003 a nação tenha avançado no quesito.

Entre os pontos negativos apontados pelo Banco Mundial estão: falta de legislação que garanta licença parental e a desigualdade de remuneração. O estudo destaca a discriminação de gênero ou no próprio estado civil da mulher.

A realidade é ainda mais dura para as negras. A diferença salarial entre a negra e o homem branco aumenta e chega a 50% do salário.  

Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3516
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Sindicato em Ação: a luta continua!