PLANTÃO / BANCO DA AMAZÔNIA

Imprimir Notícia

Banco disponibiliza milhões para o Maranhão

12/01/2015 às 14:20
Idifusora
A+
A-

Para o exercício de 2015, o Banco da Amazônia disponibiliza R$ 310 milhões para o Estado do Maranhão, sendo R$ 140 milhões oriundos do BNDES. Adicionalmente, serão disponibilizados em 2015 para toda a Amazônia Legal, recursos que totalizam de R$ 8,9 bilhões, os quais serão aplicados por demanda espontânea dos Estados.

Os recursos financeiros virão de fundos como o Fundo do Amparo ao Trabalhador, Fundo da Marinha Mercante, OGU, BNDES, RPL, Recursos obrigatórios e dos recursos da Carteira comercial.

“O plano de aplicação se constitui em uma ferramenta estratégica da política de crédito na medida em que apresenta o mapeamento do conjunto de prioridades econômicas do Estado a serem apoiados através das fontes de recursos sob gestão da instituição, além de definir a programação financeira para o financiamento de projetos econômicos no exercício de 2015”, declarou o presidente do Banco da Amazônia, Valmir Rossi.

Como financiamento prioritário no Maranhão, o Banco apontou os arranjos produtivos nos setores de: Madeira e Móveis; Apicultura; Turismo; Fruticultura; Bovinocultura de leite; e Piscicultura. Além disso, a instituição financeira também destaca o atendimento aos micro e pequenos empreendedores de todos os setores, através de diversos programas como o Amazônia Florescer, Amazônia giro MPE, e Amazon Cred.

O Banco da Amazônia também indicou as grandes oportunidades de negócios sustentáveis em 2015, como os projetos em infraestrutura localizados nas regiões de Bacabal, Balsas e Alto Parnaíba; o potencial turístico em Carolina e São Luís; e os mercados promissores em pecuária e agricultura encontrados em Coroatá, Estreito e Caxias.

Segundo a instituição, dentre as metas para 2015 estão:

* A ampliação da base produtiva, arrecadação fiscal e da infraestrutura econômica e social do Estado;

* A elevação do Produto Interno Bruto;

* O aumento da oportunidade de emprego e inclusão social de populações de baixa renda;

* A minimização das desigualdades internas através de incentivo à formação de novos pólos econômicos no interior;

* O crescimento dos negócios sustentáveis;

* A criação de oportunidades de trabalho para os micro e pequenos produtores;

* A expansão da oferta de produtos diversificados para o consumo local e a melhoria do padrão alimentar da população;

* A conservação e/ou preservação do patrimônio natural, através do estimulo ao uso de melhores práticas produtivas que promovam o desenvolvimento em bases mais sustentáveis;

Deixe sua opinião sobre essa matéria:

Limite de caracteres (0 / 250)
SOBRE

Sindicato dos Bancários do Maranhão - SEEB/MA
Rua do Sol, 413/417, Centro – São Luís (MA)
E-mail: comunicacao@bancariosma.org.br
Telefones: (98) 3311-3500 / 3311-3522
CNPJ: 06.299.549/0001-05
CEP: 65020-590

MENU RÁPIDO

© SEEB-MA. Sindicato dos Bancários do Maranhão. Gestão Mobilização, Unidade e Luta.